Há seis anos, instalado em um casarão na Rua Traipu, no bairro do Pacaembu, região central de São Paulo, em um ambiente folclórico, nasce o Restaurante Baião Cozinha Nordestina. José Lourenço Junior, filho de nordestinos, queria homenagear a terra de seus pais por meio da gastronomia, representando os nove estados – do mar ao sertão – com pratos fartos e bem apresentados. A música que sempre fez parte da tradição familiar, teve no estilo Baião e que embala e alegra o ambiente, a inspiração para o nome da casa.

O sucesso foi tanto que em 2020 foi inaugurado no Centro de Tradição Nordestina a segunda unidade. Em 2021 a terceira unidade na Vila Madalena.

Com um cardápio vasto o Restaurante Baião Cozinha Nordestina serve de segunda a domingo os famosos Baião de 2, Moqueca e ensopados, Acarajé, Carne de sol, Carne seca na nata, Rabada, Feijão de corda, Bobó de camarão, Frutos do mar, entre outros.

As casas são ambientadas com ícones regionais,  e como não poderia faltar a baiana e no seu tabuleiro os famosos acarajés. Como marca registrada, o bar feito de pau a pique é o ponto alto no ambiente e divide a atenção com a música ao vivo, sempre presente em todas as unidades.